Cinema em Casa: A Razão Do Meu Afeto (1998)

Source: Google Imagens

Tá aí um filme que me surpreendeu. O que me incentivou a escolhe-lo no catálogo, foi o elenco. Tenho um afeto por Jennifer Aniston e Paul Rudd desde Friends e também curto assistir comédias românticas. Fora isso, pré-julguei o filme como sendo mais um “água com açúcar” – não que isso seja ruim, vai, mas achei que fosse ver um pouquinho mais do mesmo, também pelo fato de não ter lido à sinopse #fail (hahaha).

A história conta a vida de Nina Borowski (Jennifer Aniston), uma assistente social que tem uma relação não tão feliz com o advogado Vince McBride (John Pankow). George Hanson (Paul Rudd) é um professor de escola primária que namora há 4 anos Robert Joley (Timothy Daly) e fica sabendo que seu companheiro irá dispensá-lo através de Nina, em um jantar recepcionado por sua meia-irmã Constance (Allison Janney) cuja filha é aluna de Paul. A partir daí, onde Nina e George se conhecem, é que começa a história dos dois.

George vai morar com a assistente social após o término de seu relacionamento. Eles ficam cada vez mais amigos, dividindo não apenas o apartamento, mas também experiências, principalmente amorosas. Cada vez mais desencantada com Vince, Nina passa a se aproximar cada vez mais do amigo, e sem perceber, apaixona-se por ele. Porém, as coisas se dificultam

quando ela descobre estar grávida de Vince e não querer casar-se com ele, e sim, criar seu filho com George. Nina chega a fazer esta oferta ao amigo, mas ele fica em dúvida, já que seria no mínimo estranho, pois George não pensa em ter este tipo de relação com ela. Nina o assegura de que sua vida não precisará mudar e que eles criaram novas regras. Depois de um certo tempo e de presenciar uma cena entre pai e filho enquanto passa pela rua, George aceita sua oferta e Vince tira seu time de campo. Mas a vida incomum dos

Source: Adoro Cinema

amigos ficará incomum demais para Nina e é a partir daí que sua mente fica confusa e seus sentimentos caem por terra da mesma forma.

O enredo aborda a temática homossexual de forma natural e leve. É interessante a forma como o filme mostra a chegada e saída de tantas pessoas nas vidas uma das outras e quantos tipos de relacionamento se formam com a passagem delas. Também mostra como o destino toma vários caminhos diferentes sem nos darmos conta, simplesmente pelas escolhas que fazemos. Eu, particularmente, gostei muito do filme e recomendo para quem quer relaxar e curtir uma comédia romântica de forma diferente. Paul Rudd está uma gracinha (*-*) e Jennifer me lembrou muito as primeiras temporadas de Friends. Hahaha. Steve Zahn aparece um tanto galã na pele do irmão de George, dr. Frank.

Se você já assistiu a este filme, me conta: o que achou?

Trailer em Inglês (sem legenda)

Anúncios